Saltar para o conteúdo principal

Curso de Formação Especializada "Inquérito Apreciativo e Orientação para as Soluções: Práticas para a Criação de Futuros Positivos"

17 fevereiro 2020
1.ª Edição

Escola:Escola de Liderança e Inovação

Candidaturas: 15-02-2020 a 15-03-2020

Candidaturas Encerradas

O Curso de Formação Especializada “Inquérito Apreciativo e Orientação para as Soluções: Práticas para a Criação de Futuros Positivos” é organizado pelo Instituto de Formação e Consultoria (ISCSP-iFOR), através da Escola de Liderança e Inovação (ELINOV) e da Cátedra UNESCO em Educação para a Paz Global Sustentável. O ISCSP-iFOR é unidade orgânica do ISCSP que visa desenvolver, com elevado rigor e qualidade máxima, conhecimentos e competências em áreas específicas, aumentando a valorização das mais variadas atividades profissionais, bem como do Curriculum Vitae.

Coordenação

Coordenação Científica

Luís Miguel Neto
Luís Miguel Neto

Luís Miguel Neto

Professor Auxiliar do ISCSP-ULisboa
Membro do Council of Advisors da International Positive Psychology Association

Coordenação Executiva

Helena Marujo
Helena Marujo

Helena Marujo

Professora Auxiliar do ISCSP-ULisboa
Coordenadora da Catedra UNESCO de Educação para a Paz Global Sustentável
Coordenadora-adjunta da Unidade de Coordenação de Gestão de Recursos Humanos do ISCSP-ULisboa
Coordenadora da Unidade de Missão ISCSP-Wellbeing
Membro do Council of Advisors da International Positive Psychology Association

Objetivos

O Inquérito Apreciativo (IA) e a Orientação para as Soluções (OS) são abordagens colaborativas, baseadas nas forças e sucessos de pessoas e organizações e na exceajudar ção aos problemas. Destinam-se ao desenvolvimento organizacional e pessoal, e têm mostrado ser eficazes para expandir e provocar mudanças positivas em organizações e comunidades. Ambos os modelos são formas especializadas de conversação orientadas para futuros positivos.


Objetivos:

  1. Criar projetos e programas destinados a otimizar o que de melhor existe nos sistemas humanos e a impulsionar o foco nas soluções;
  2. Criar alternativas ao predomínio das distopias e dos atuais processos sociais de perda de esperança, aos níveis cultural, societal, organizacional, familiar e pessoal;
  3. Criar condições para a emergência de discursos, narrativas e práticas baseados na conotação positiva e na linguagem das possibilidades, intervindo ao nível do Ato de Fala;
  4. Amplificar situações, projetos e episódios que possuam caraterísticas de exceção positiva relativamente ao status quo negativo vigente;
  5. Alargar a experiência da prática dos modelos do Inquérito Apreciativo e de Foco nas Soluções aos contextos e domínios da saúde, educação, comunidade, vida laboral e sociedade;
  6. Divulgar, disseminar e repensar as práticas e resultados de investigação decorrentes destes modelos, promovendo em espiral os processos de contágio relacional positivo;
  7. Potenciar a paz global sustentável, a esperança e a empatia radical.

Destinatários

Este curso foi concebido para pessoas envolvidas em trabalho em qualquer sistema humano onde se pretenda realizar mudanças positivas através de práticas colaborativas duradouras. Os destinatários prioritários são, no entanto, os alunos atuais e os alumni da Pós-Graduação em Psicologia Positiva Aplicada.

Plano Curricular

TOTAL 36
Unidades Curriculares Área Científica Contacto
Quais as razões para nos envolvermos ativamente na co-construção do futuro? P 4
Porque é a linguagem tão importante para mudar os sistemas humanos? P 4
Como é que as raízes epistemológicas, históricas e teóricas do inquérito apreciativo deram forma à sua prática? P 8
Como surgiu, o que é e como se pratica o foco nas soluções? P 4
Como proceder à escolha de técnicas na abordagem de foco na solução? P 4
Como aplicar o inquérito apreciativo e a abordagem centrada nas soluções para solucionar alguns dos mais prementes temas humanos e sociais da contemporaneidade? P 8
De que forma estas duas abordagens podem contribuir para a paz global sustentável, para a empatia radical e para a construção da esperança? P 4

Nota 1:
Tempo de trabalho (aulas, estudo autónomo, tutoria, leituras complementares)
Área científica das unidades curriculares: P - Psicologia.

Calendários das aulas e da avaliação

Unidades Curriculares Dia da semana Horário Dias de aula
Quais as razões para nos envolvermos ativamente na co-construção do futuro? Sábado 09h00 -
13h00
18/04
Porque é a linguagem tão importante para mudar os sistemas humanos? Sábado 09h00 -
13h00
02/05
Como é que as raízes epistemológicas, históricas e teóricas do inquérito apreciativo deram forma à sua prática? Sábado 09h00 -
13h00
14h00 - 18h00
09/05
Como surgiu, o que é e como se pratica o foco nas soluções? Sábado 09h00 -
13h00
16/05
Como proceder à escolha de técnicas na abordagem de foco na solução? Sábado 09h00 -
13h00
23/05
Como aplicar o inquérito apreciativo e a abordagem centrada nas soluções para solucionar alguns dos mais prementes temas humanos e sociais da contemporaneidade? Sábado 09h00 -
13h00
14h00 - 18h00
30/05
De que forma estas duas abordagens podem contribuir para a paz global sustentável, para a empatia radical e para a construção da esperança? Sábado 09h00 -
13h00
06/06
Este website usa cookies para otimizar a sua navegação.Ler mais Concordar